O baterista da Deftones explica por que o álbum perdido de Eros continua por lançar

o baterista Abe Cunningham revelou em uma nova entrevista com a Download TV por que a banda nunca lançou seu álbum de Eros de 2008. Cunningham explicou que o LP — o último a apresentar o baixista Chi Cheng antes de um acidente de carro colocá-lo em coma que durou até sua morte em 2013 — nunca foi concluído.Cunningham explicou: “nunca foi concluído, e é isso que as pessoas não percebem, como ‘o quê, você está apenas sentado nele? e quero dizer, Não, Não estamos apenas sentados nele, nunca o terminámos . . . também há muito ligado a ele, sabes? E eu entendo que as pessoas são apaixonadas por isso e eles querem ouvir a última contribuição musical de Chi.”

Deftones vocalista Chino Moreno nos disse um tempo atrás, por que a banda decidiu manter Eros em segredo: “Alguns dos que foi por respeito Chi — ‘Vamos colocar esse álbum, você sabe, em um cofre por um tempo e, você sabe, se apegue a ele. É a última coisa em que o Chi jogou, por isso, gostamos muito dele. É algo que temos sob o nosso controlo e quando acharmos que é a altura certa, apagamo-lo.”

Cunningham acrescentou que a banda tem falado sobre a emissão de algum do material da gravação, dizendo: “Nós falamos sobre colocar para fora talvez uma versão condensada ou um EP de quatro ou cinco músicas, algo assim, e que tipo de faz sentido. Mas nós temos que entrar em todas as legalidades dele e todas essas coisas e também temos que terminá-lo. Mas sim, seria bom que isso visse a luz do dia, definitivamente.”

Deftones completaram seu nono álbum de estúdio durante a quarentena COVID-19, com Cunningham insinuando em um possível lançamento em setembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.